Origem da Receita

O bolo de fubá é uma receita tradicional brasileira, com raízes na culinária caipira. É muito popular em festas juninas e em cafés da manhã ou lanches da tarde em várias regiões do Brasil. A adição de erva-doce dá um toque especial e aromático ao bolo.

Esta em busca de uma ótima Batedeira Planetária?Fizemos um artigo completo sobre esse tema!

Ingredientes da receita de Bolo de Fubá com Erva-Doce

  • 2 xícaras (chá) de fubá
  • 1 xícara (chá) de farinha de trigo
  • 1 e 1/2 xícaras (chá) de açúcar
  • 1/2 xícara (chá) de óleo
  • 3 ovos
  • 1 xícara (chá) de leite
  • 1 colher (sopa) de fermento em pó
  • 1 colher (sopa) de erva-doce
  • 1 pitada de sal

Modo de Preparo

  1. Preaqueça o forno: Preaqueça o forno a 180°C (350°F).
  2. Prepare a forma: Unte e enfarinhe uma forma de furo no meio (aproximadamente 24 cm de diâmetro).
  3. Mistura inicial: Em uma tigela grande, misture o fubá, a farinha de trigo, o açúcar, o sal e a erva-doce.
  4. Adicionar os líquidos: No liquidificador, bata os ovos, o óleo e o leite até obter uma mistura homogênea.
  5. Combinar tudo: Despeje a mistura líquida na tigela com os ingredientes secos. Mexa bem até formar uma massa lisa e homogênea.
  6. Adicionar o fermento: Adicione o fermento em pó e misture delicadamente até incorporar completamente.
  7. Assar: Despeje a massa na forma preparada e leve ao forno preaquecido. Asse por cerca de 35 a 40 minutos, ou até que um palito inserido no centro do bolo saia limpo.
  8. Resfriar: Retire o bolo do forno e deixe esfriar na forma por 10 minutos antes de desenformar. Transfira para uma grade ou prato de servir e deixe esfriar completamente.

Variações Saudáveis

  • Farinha Integral: Substitua metade da farinha de trigo por farinha de trigo integral para aumentar o teor de fibras.
  • Açúcar: Use açúcar mascavo ou açúcar de coco no lugar do açúcar refinado para uma versão mais saudável.
  • Leite: Troque o leite comum por leite de coco ou leite de amêndoas para uma versão sem lactose.

Quando Servir

O bolo de fubá com erva-doce é perfeito para ser servido no café da manhã, no lanche da tarde ou em festas juninas. É uma ótima opção para acompanhar um chá ou café.

Sugestões de Bebidas para Acompanhar

  • Café: Um café preto ou um café com leite combinam perfeitamente com o sabor do bolo de fubá.
  • Chá: Chás como erva-doce, camomila ou chá de frutas vermelhas são ótimos acompanhamentos.
  • Suco: Um suco natural de laranja ou abacaxi pode trazer um toque refrescante ao lanche.

Aproveite essa deliciosa receita de bolo de fubá com erva-doce e bom apetite!

OUTRAS RECEITAS QUE VOCE TAMBÉM PODE GOSTAR:
Pescada Frita de um Jeito que Você Nunca Provou

Bolo Gelado de Coco Molhadinho: Uma Receita Deliciosa e Refrescante

Bolo Dois Amores: Uma Sobremesa que Encanta e Satisfaz

Receita de Salgadinho de Mandioca!

Junte-se ao Nosso Grupo de Receitas no WhatsApp!

Se você adora descobrir e compartilhar receitas incríveis como esta, não perca a chance de fazer parte do nosso grupo de WhatsApp! Lá, você encontrará uma comunidade apaixonada por culinária, onde são compartilhadas as melhores receitas, dicas exclusivas e muitas inspirações para suas próximas criações na cozinha. Junte-se a nós e leve suas habilidades culinárias para o próximo nível!

A História de Vó Ana e Seu Bolo de Fubá com Erva-Doce

Em uma pequena cidade do interior, vivia Dona Ana, uma senhora de cabelos brancos e olhos brilhantes, conhecida por todos como Vó Ana. Todos os finais de semana, sua casa se transformava no ponto de encontro da família. Filhos, netos e até bisnetos se reuniam ao redor da mesa da cozinha para saborear suas delícias caseiras, mas nada era tão esperado quanto o seu famoso bolo de fubá com erva-doce.

Desde muito jovem, Vó Ana aprendera a cozinhar com sua mãe e avó, mantendo viva a tradição culinária da família. Entre todas as receitas, o bolo de fubá com erva-doce era seu preferido, um bolo simples, mas repleto de carinho e história.

Preparativos de Sábado

No sábado à tarde, Vó Ana começava a preparar tudo. O cheiro do bolo no forno se espalhava pela casa e pelo quintal, atraindo todos que por ali passavam. Era impossível resistir ao aroma adocicado de fubá misturado com a erva-doce.

A cozinha de Vó Ana era um verdadeiro laboratório de amor. Cada ingrediente era medido com precisão, mas sempre havia espaço para um toque de improviso, uma dica secreta, um ingrediente especial que só ela sabia como usar. Enquanto mexia a massa com cuidado, cantava antigas canções que aprendera na juventude, enchendo a casa com melodias que acalmavam e traziam um sentimento de nostalgia.

O Domingo em Família

No domingo, a casa de Vó Ana ganhava vida. Filhos chegavam com seus cônjuges, netos corriam pelo quintal, e a risada das crianças era a trilha sonora daquele dia especial. A mesa da sala de jantar era cuidadosamente arrumada, mas o centro das atenções era sempre a cozinha, onde Vó Ana, com seu avental florido, reinava soberana.

“Vó, já está pronto?”, perguntava ansioso o pequeno João, de apenas seis anos, enquanto tentava espiar pela porta do forno. “Quase, meu querido”, respondia ela com um sorriso, “mas o melhor bolo é aquele que espera o tempo certo.”

Hora do Bolo

Finalmente, o momento tão esperado chegava. Vó Ana tirava o bolo do forno com todo cuidado, deixando-o esfriar um pouco antes de desenformar. As fatias eram cortadas e distribuídas, cada uma acompanhada por um afetuoso “feito com muito amor”. Todos se deliciavam com o sabor inigualável do bolo, que era macio, doce na medida certa, e com aquele toque especial da erva-doce.

Enquanto os adultos conversavam sobre os acontecimentos da semana, as crianças se deliciavam com o bolo, lambuzando os dedos e pedindo sempre mais um pedaço. Vó Ana olhava para todos com um brilho nos olhos, feliz por ver sua família reunida e satisfeita.

Mais que um Bolo

O bolo de fubá com erva-doce de Vó Ana era mais que uma sobremesa; era um símbolo de união, amor e tradição. Cada fatia carregava consigo a essência de momentos felizes, de histórias compartilhadas e de um amor incondicional que só uma avó podia oferecer.

E assim, a cada final de semana, a tradição se repetia, criando memórias doces e eternas no coração de todos que tinham a sorte de compartilhar aqueles momentos na casa de Vó Ana.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *